BANNER_MUNDO_Mega_1920x350AF
Banner HUC
290521-n8-June-7,200,000-Giveaways-portugese-1920x350
MundoPoker_1920x350
Royal Pag
Siga-nos

ONLINE

Logo após raid da MundoTV, Amanda Almeida leva bad beat no river e brinca: “chegou um pouco pesado”

Jogadora é nome novo na plataforma e ficou feliz com ato, mesmo não dando muita sorte

Publicado

em

Amanda Almeida

O time feminino de streamers de poker ganhou um reforço na plataforma. Amanda Almeida é mais um nome que agora transmite sessões em seu canal e já está se mostrando mais do que adaptada a uma rotina de streamer, que encara ao vivo os altos e baixos de um dia de jogo.

Formada em psicologia, Amanda começou a fazer lives nessa semana e já está apaixonada pela troca que a comunidade gera. Ontem, enquanto jogava e e conversava com seus espectadores, a jogadora recebeu o incentivo com uma raid da profissional Rebeca Rebuitti, que já a deixou muito feliz.

Pouco tempo depois, foi a vez da MundoTV, que havia acabado a transmissão do Heads-Up Challenge, que teve vitórias de João da Silveira e Dowgh Santos, contribuiu com uma nova raid para o canal da jogadora. É claro que foi um novo motivo de felicidade para Amanda, mas as coisas não correram muito bem.

LEIA MAIS: Com full house desde o flop, Monika Zukowicz vê vilão ir para o 3-barrel e folda mão no river

Enquanto lia que a MundoTV estava fazendo a invasão, a jogadora disputava uma mão importante em um dos torneios do 888. Com , ela havia aberto mini raise e foi paga pelo jogador do botão e pelo big blind. O flop mostrou e aí a confusão se armou. Amanda fez a c-bet de 2.5 blinds, deixando pouco mais de 24 pra trás.

O botão foldou, mas o big blind foi para o check-raise de 7.4 bbs, bem no momento do aviso da raid. Enquanto ficava surpresa e agradecida com o fato, ela já cogitava o fato de poder cair, porque iria all-in na jogada. Ela de fato anunciou o shove e foi paga pelo rival, que apresentou , bem atrás.

O turn mostrou um , que nada mudou, mas o river foi cruel. Um completou o board e deu dois pares para o adversário, marcando a bad beat contra a jogadora, que acabou eliminada do torneio logo na primeira mão após saber da raid. De bom humor com o acontecido, ela até brincou: “só chegou um pouco pesado, né, galera?”, enquanto procurava outra atividade para dar atenção ao novo público.

Confira a ação:


Confira o episódio #06 do Depois do River:

ONLINE

Felix Schneiders toma call de mão impensável e perde pote de quase 200 blinds em torneio KO no PokerStars

Streamer não acreditou quando viu a mão do adversário no final

Publicado

em

Postado Por

Felix Schneiders

Jogar os torneios no formato KO, os mais populares da atualidade, é sempre um desafio. Com premiação já diluída a partir de eliminações, a estratégia de jogo nesse estilo de disputa tem que ser diferente dos torneios regulares, por exemplo.

Isso acaba acarretando também em diversas mãos impensáveis, já que muitos jogadores querem participar do maior número de jogadas possíveis para tentar aumentar seus stacks a procura de bounties. O streamer Felix Schneiders, embaixador do PokerStars, foi vítima de uma dessas mãos.

Jogando o $109 Battle Royale do site, o “xflixx” recebeu e estava no big blind. Ele viu o jogador “doruella” abriu para 2.2 blinds do UTG+1 e “yura_if32” dar call do hijack. Fora de posição, ele foi para uma 3-bet de 12 blinds e foi pago apenas pelo segundo jogador a falar.

LEIA MAIS: Yuri Martins garante nova liderança e alcança marca histórica no topo do ranking do PocketFives

O flop veio todo de uma só cor, mostrando e o streamer optou por dar check. Com a ação, o oponente fez uma aposta de 4 blinds num pote de 27, já deixando o “xflixx” desconfiado. Ele pagou e viu o turn aparecer na mesa, dando novo check.

“yura_if32” dessa vez resolveu adotar uma linha completamente diferente, indo para uma aposta maior que o pote. Ele apostou 36 blinds, enquanto o pote tinha pouco mais de 35. Felix mais uma vez pagou e viu um completar o board. Na sua vez, o adversário seguiu apostando.

Ele anunciou o fake all-in com mais 45 blinds no river, deixando menos de uma para trás. Felix não ficou muito feliz, mas não conseguiu foldar, colocando o restante das fichas do rival em jogo, que pagou. No showdown, o susto e a derrota: “yura_if32” segurava , uma mão inimaginável de se ter nessa situação.

O rival levou o pote gigantesco de quase 200 blinds, enquanto só restou lamentar ao “xflixx”.

Confira a ação:

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio #07 do Depois do River:

Continue Lendo

ONLINE

Douglas Lopes amassa concorrência na mesa final e crava o High Rollers Super Tuesday com autoridade

O craque costuma se dar muito bem nesse torneio de dois dias do Natural8

Publicado

em

Postado Por

Você provavelmente já deve ter visto algumas vezes no Mundo Poker notícias do craque Douglas Lopes indo bem nos torneios que duram dois no Natural8. Não é exagero. O pernambucano realmente tem vocação nessa estrutura mais deep que o evento oferece e demonstrou isso mais uma vez durante a tarde desta quarta-feira (17).

Douglas simplesmente atropelou a concorrência do field de 179 entradas do High Rollers Super Tuesday de US$ 1.050 que teve continuação hoje. Ele não deu a menor chance para os rivais e sacramentou uma belíssima vitória para ganhar mais US$ 45.960 para o seu recheado bankroll. Ele teve muito controle da situação na mesa final.

LEIA MAIS: Cavalito analisa novo erro de ICM de Sam Greenwood e crê em modelo diferente: “talvez sabe alguma coisa que a gente não sabe”

Mesmo enfrentando com alguns bons nomes como Arsenii Karmatckii, Markus Prinz e “danludan”, Douglas não deu a menor chance para a turma. A partir do 6-handed, por exemplo, ele foi impecável e ficou na ponta até o torneio acabar. No 3-handed, ele derrubou Sergei Denisov com KJ contra A6 ao acertar um flush runner runner apenas com o J.

O heads-up contra o chinês “303A” era questão de tempo para ter fim. A diferença era gritante e o rival chegou a ficar com apenas cinco blinds, mas uma dobra do asiático até deu uma animada no duelo. Douglas teve calma para não deixar ele animar e selo o título em um baita cooler. Doug tinha TT e o chinês JT no flop 6TJ. Com trinca contra dois pares, foi só segurar no turn A e river Q.

Confira como foi:

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio do Depois do River #07:

Continue Lendo

ONLINE

Depois de traves, chinês “judd trump” conquista prêmio da carreira com título no Super MILLION$ Anniversary

O nick é em homenagem a um famoso jogador inglês de sinuca

Publicado

em

Postado Por

Quando um jogador atinge muitas traves em sequência é sinal de que vem coisa boa por aí. O detalhe que faltava para um regular que joga com a bandeirinha chinesa no Natural8 foi ajustado ontem (15) na mesa final do Super MILLION$ High Rollers Anniversary, edição especial para comemorar um ano de existência do evento.

O grande campeão foi “judd trump”. Ainda de identidade desconhecida, ele conseguiu ótimos resultados neste ano nos feltros do Natural8 jogando justamente o torneio mais cobiçado semanalmente. Agora veio a glória. Depois de superar o field de 567 entradas para levar o prêmio espetacular de US$ 976.379.

Só neste ano, “judd trump”, nick que é uma homenagem a um profissional de sinuca da Inglaterra que leva o mesmo nome, já tinha ficado duas vezes seguidas na 9ª colocação do Super MILLION$, além de um 11º lugar que foi bem amargo. Enfrentando uma mesa final de altíssimo nível, finalmente chegou o dia dele.

LEIA MAIS: Cavalito analisa novo erro de ICM de Sam Greenwood e crê em modelo diferente: “talvez sabe alguma coisa que a gente não sabe”

Demorou para rolar as primeiras quedas, mas depois que se despediram Thomas Muehlocker, Enrico Camosci e Wiktor Malinowski, o jogo ficou mais solto e muitas mudanças nos stacks aconteceram. “judd trump” se aproveitou de um cooler com QQ contra AA do “limitless” para ficar gigante. Ele acertou uma Q no flop e só precisou pagar até o river para dobrar.

A boa sequência não teve fim. Ele foi acumulando fichas e derrubou Adrian Mateos em quarto de AQ contra A7 para disparar de vez. Só que Joakim Andersson, buscando o tricampeonato, não deixou ser tão fácil. Ele derrubou Carlos Villamarin em terceiro e foi para o heads-up com uma ligeira vantagem. Só que o chinês não se intimidou.

A virada veio num pote gigantesco quando o chinês conseguiu uma sequência maior que a do sueco e o golpe de misericórdia foi em all in pré-flop de K8 contra 96. O board não trouxe nada e o dia de glória de “judd trump” veio com K high mesmo.

Confira a premiação final:

1º – “judd trump” (China) – US$ 976.379

2º – Joakim Andersson (Suécia) – US$ 752.891

3º – Carlos Villamarin (EUA) – US$ 580.558

4º – Adrian Mateos (Espanha) – US$ 447.662

5º – Christopher Frank (Alemanha) – US$ 345.202

6º – Chris Puetz (Áustria) – US$ 266.187

7º – Wiktor Malinowski (Polônia) – US$ 205.258

8º – Enrico Camosci (Itália) – US$ 158.275

9º – Thomas Muehlocker (Áustria) – US$ 122.047

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio do Depois do River #07:

Continue Lendo
Advertisement

MAIS LIDAS