Banner HUC
290521-n8-June-7,200,000-Giveaways-portugese-1920x350
MundoPoker_1920x350
Royal Pag
Siga-nos

Melhores do Twitter

Melhores do Twitter: Fintan Hand no lado errado da força, Farah Galfond (ou Kristen Bicknell?) e Ryan Fee com o segredo da felicidade

Confira os melhores tweets da semana

Publicado

em

Fintan Hand, Farah Galfond e Ryan Fee

A comunidade do poker é bastante ativa no Twitter. Muitos jogadores fazem desabafos, contam histórias, criam enquetes e promovem interessantes discussões sobre o esporte da mente que tanto gostamos. Ainda dá pra discutir mãos, assistir vídeos e acompanhar as notícias do poker que o Mundo Poker faz com carinho dia a dia.

Toda sexta-feira, o Mundo Poker separa alguns tweets que foram destaques! Se você ver algum que achou interessante, pode marcar a gente lá. Quem sabe não apareça aqui na próxima semana, hein? A gente dá os créditos…

Confira a nossa seleção da semana e aproveita e segue o Mundo Poker:

Se nas últimas semanas as grandes polêmicas deram uma pausa, nesta uma voltou com tudo. Doug Polk não ficou satisfeito com a manchete de uma matéria da CNN, criticou ironicamente o título da notícia que elevava a jogadora Maria Konnikova e iniciou um longo debate em seu Twitter:

“Jogadora de poker top” Maria Konnikova

E continuando nas polêmicas, Fintan Hand causou uma, mas bem mais simples. Apenas uma opinião da qual a maioria não concorda. Será que ele está ficando maluco?

“JJ é a mão mais subestimada no poker”

Seguindo na linha de controvérsias, Kevin Martin não ficou nada feliz com o tratamento e strike que recebeu da Twitch, plataforma que está presente há mais de seis anos. O jogador fez reclamações publicamente:

“Sem nenhum aviso minha conta na Twitch foi ameaçada de rescisão por usar uma música / produto que a Twitch deu a streamers e foi anunciado como seguro”

Quem estava meio impaciente também era Kelly Minkin, que compartilhou algo que o irrita muito quando está jogando ao vivo:

“Existe algo mais irritante do que sentar à mesa de poker cuidando da sua vida quando o jogador próximo a você bate agressivamente no seu ombro para mostrar o que ele está prestes a desistir?”

Mas não foram só de reclamações sem respostas que a semana viveu. Jared Jaffee criticou a demora nas filas no Venetian e foi respondido pelo diretor, se dispondo a procurar soluções:

“Imaginando a continuação @VenetianPoker poderia talvez encontrar uma maneira mais eficiente de fazer pagamentos em fields desse tamanho. Ter que esperar 30-45 minutos em uma fila apenas para ter que fazê-lo novamente em uma segunda fila parece um pouco ridículo. @VenetianTD Talvez possa ter mais de uma pessoa fazendo pagamentos?”

Teve também quem não saiu feliz com bad beat sofrida no grind, como o craque “AllinPAV”

“De volta quando @IrEgption e eu estávamos lutando pela maioria dos prêmios e recebi KK no @GGPoker $525 6-Max”

Por outro lado, a volta da normalidade do circuito live tem alegrado muitas pessoas. O craque “ElkY” foi uma delas:

“Tão feliz por finalmente estar jogando #livepoker novamente, e no melhor lugar possível também,
@PokerroomKings”

E como falar de live e não falar de Daniel Negreanu? O canadense está firme no US Poker Open, feliz da vida com o desempenho:

“11 restantes no torneio de jogo USPO 8-Game, pagam 10.

Eu sou o chip leader.

Tudo está bem no mundo”

A sorte de Negreanu é que ele não fez igual a esse personagem aqui. Você conhece muita gente que derrete o stack na bolha?

“Ninguém:

Meu stack na bolha:”

Outro nome que está aproveitando o live é Farah Galfond. A esposa de Phil está representando a família e foi colocada como Kristen Bicknell. Dá pra ficar irritada?

“Jogando no Bellagio pela primeira vez em muito tempo e o floor me colocou como @krissyb24poker Estou muito feliz em dar a ela os comps se ela me der as habilidades”

Ser confundida com outro jogador pode ter suas vantagens. Por exemplo, se acharem que você é Daniel Negreanu, você pode blefar a vontade. É o que pensa Dan Cates sobre o assunto:

“Eu não consigo compreender que jogadores que são conhecidos por todos nunca blefem. Tipo, blefar mais? Alguns desses caras podiam jogar uma sessão sem olhar para as cartas e ganhar dinheiro, sem brincadeira”

Dois nomes que seriam fáceis se confundir seria Jaime e Matt Staples. Os irmãos, que já têm histórico de duelos, mais uma vez se envolveram em uma mão. Dessa vez, contrariando a estatística, Jaime saiu vencedor:

“Nós temos @LAGTVMB nos comentários enquanto os irmãos Staple lutam durante o @partypoker Saturday Games Night Show

@jaimestaples vs @MattStaplesPKR”

Outro duelo que foi refrescado na semana foi entre “tonkaaaa” e “Lena900”. Dessa vez, Talbot foi o vencedor e se sentiu vingado:

Patrick Leonard deu uma leve cutucada em como se marcam as pessoas no poker online hoje em dia:

“Alguém aumenta 3x – “marque como peixe”
Alguém aumenta 3,5x – “marque como forte reg”

Ele também elogiou a estratégia de Perkins contra Tice, dizendo que pode ser o maior negócio da história:

“Bill fingindo se divertir “por 10 anos” dizendo a todos que é um empresário bilionário e escrevendo um livro chamado “morra com nada” para que ele pudesse apostar US$ 10 milhões em um handicap de 9bb com toda a comunidade de poker vai cair como o melhor negócio de todos os tempos”

Por fim, Ryan Fee deixou um simples segredo para a felicidade. Você concorda?

“Se você parar de jogar NL e começar a jogar PLO, você terá uma vida melhor”

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio #07 do Depois do River:

Melhores do Twitter

Melhores do Twitter: Pads com nova ideia para o live, Spraggy ansioso para a WSOP e Bert Stevens com uma vizinhança diferente

Confira os melhores tweets da semana

Publicado

em

Postado Por

Patrick Leonard, Ben Spragg e Bert Stevens

A comunidade do poker é bastante ativa no Twitter. Muitos jogadores fazem desabafos, contam histórias, criam enquetes e promovem interessantes discussões sobre o esporte da mente que tanto gostamos. Ainda dá pra discutir mãos, assistir vídeos e acompanhar as notícias do poker que o Mundo Poker faz com carinho dia a dia.

Toda sexta-feira, o Mundo Poker separa alguns tweets que foram destaques! Se você ver algum que achou interessante, pode marcar a gente lá. Quem sabe não apareça aqui na próxima semana, hein? A gente dá os créditos…

Confira a nossa seleção da semana e aproveita e segue o Mundo Poker:

Por incrível que pareça, os jogadores de poker resolveram diminuir o número de polêmicas nas redes sociais nesta semana. Ainda assim, claro que vários tweets geraram debates, como esse de Patrick Leonard, que apresentou uma nova ideia para o circuito live:

“O primeiro dia 1 para qualquer parada de festival ao vivo deve ser na parada anterior. Se você estiver em Barcelona para a etapa 2, o dia 1A deve ser sempre em Praga / onde quer que esteja a etapa 1. Fazer com que os locais joguem / sentem-se / estejam realmente interessados no evento, seria crucial”

Como dito acima, as polêmicas diminuíram, mas não fora extintas. Jans Arends, o “Graftekkel”, soltou uma opinião forte contra o uso de solvers no poker, após responder uma pergunta se seriam bons ou ruins:

“Muito ruim, e é super óbvio. Não entendo como tantas pessoas respondem bom. Os solvers nos colocam em um caminho acelerado para que o jogo seja resolvido completamente e, portanto, “morto”(ninguém tem uma vantagem e todos perdem para a casa), e eles também criam a oportunidade para o RTA.”

E também teve polêmica sem querer da parte de Daniel Negreanu. Ele foi brincar com uma situação, mas acabou causando estragos no ambiente:

“Parece que @PokerGO me capturou tiltando com a mão… droga, esse plexiglass é frágil!

Oops”

Se falarmos de polêmica e não citarmos Phil Hellmuth, alguma coisa estaria errada. Porém, o maior campeão da WSOP estava no estilo paizão essa semana:

“Ótimo dia Jogando pickleball com meus filhos, e tendo uma tarde em família e brunch #FamilyFirst”

Também durante a semana, Jaime Staples sofreu com um cooler daqueles bem chatos, que acabou virando derrota no river, mas nem reagiu muito mal. Será que ele sabia o que viria em pouco tempo?

“A reação de Jaime Staples é tão blasé sobre este set over set que nos diz que ele já passou por isso muitas vezes”

O streamer e embaixador do partypoker conseguiu sua maior premiação da carreira em um dos eventos do WPT e ficou bastante feliz pelo conquista:

“Que dia. De 9 de 9 a 3º. Minha maior premiação na carreira e estou muito feliz. Obrigado @partypoker e @WPT pela série, obrigado @Twitch pelo suporte sem fim. Eu sou um cara de sorte. Estarei de volta ao trabalho novamente em breve!”

Quem também começou a sessão com o pé direito foi Landon Tice, que saiu vitorioso no primeiro duelo contra Perkins. Ele mesmo disse que se divertiu:

“Dia 1 de ?: Ganhei 18k. Estava com cerca de 100k e tentei pagar o all in de A high e ele tinha o nuts efetivo.

623 / 20k mãos.

Definitivamente uma sessão de swing com certeza, mas muito divertida”

E ele continuou se divertindo mesmo após o fim do jogo com o pote gigantesco que perdeu:

“Foldar (indo reto) – Pagar de A high vs shove de 1.5x o pote no river (virando)”

Acompanhando o duelo, Patrick Leonard fez uma constatação não muito favorável para o jovem fenômeno:

“600 mãos na primeira sessão Landon vs Bill ontem. Ele ganhou 18k, mas se eles jogarem 33 sessões de 600 mãos, ele precisa ganhar $ 21k todas as sessões para superar o handicap de $ 720k. Selvagem.

Falando de circuito live novamente, o streamer Spraggy já está fazendo seus planos para ir para Las Vegas por conta da WSOP. Será que os jogadores estão ansiosos?

“Alguém tem alguma solução para mim por curto prazo (3 meses), uso do carro em Las Vegas. Os locais de aluguel vão ser caros para esse período, mas não quero realmente ter que comprar algo e vender de volta. Agradeço qualquer ajuda ou dicas”

Joey Ingram postou algo que todo jogador passa durante quase todo o tempo. Não importa quem, perder não faz parte do entendimento de alguém:

“Venceu 10 anos no poker

Tem downswing de 2 semanas

Será que algum dia vencerei este jogo de novo?”

Já Jeniffer Tilly segue mostrando credenciais para se tornar uma ótima jornalista mesmo:

“Quando é de manhã eu fico todo animado tipo ‘É de manhã: hora de levantar!’
Mas ainda nem fui dormir!”

Lembra do caso do jogador que disse estar na melhor fase da carreira, tinha achado a estratégia perfeita e pouco tempo depois ganhou um grande torneio? Jonathan Litte também teve um sonho que se tornou realidade. Pena que não foi nada bom pra ele:

“Tive um sonho com poker ontem à noite (o que quase nunca acontece comigo), onde perdi 7 all-ins consecutivos. Hoje joguei um torneio em que perdi 7 all-ins consecutivos.”

Para mostrar que aqui não só falamos coisas aleatória, vamos deixar um vídeo com uma dica importante pra quem quer ser reg de emojis nos sites. Jogar o item certo no adversário faz ele foldar top pair:

Por fim, Bert Stevens ouviu um barulho na vizinhança e ficou preocupado com os vizinhos. Tudo pareceria normal, mas o “girafganger7” é um tipo incomum…
– os vizinhos:

“Ouvi um barulho, verifiquei os vizinhos, estava tudo bem.”

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio #06 do Depois do River:

Continue Lendo

Melhores do Twitter

Melhores do Twitter: Naza no centro de polêmica, Negreanu mostrando encontro de lendas e Jaime Staples reverenciando Caio Pessagno

Confira os melhores tweets da semana

Publicado

em

Postado Por

João Vieira, Daniel Negreanu e Jaime Staples

A comunidade do poker é bastante ativa no Twitter. Muitos jogadores fazem desabafos, contam histórias, criam enquetes e promovem interessantes discussões sobre o esporte da mente que tanto gostamos. Ainda dá pra discutir mãos, assistir vídeos e acompanhar as notícias do poker que o Mundo Poker faz com carinho dia a dia.

Toda sexta-feira, o Mundo Poker separa alguns tweets que foram destaques! Se você ver algum que achou interessante, pode marcar a gente lá. Quem sabe não apareça aqui na próxima semana, hein? A gente dá os créditos…

Confira a nossa seleção da semana e aproveita e segue o Mundo Poker:

O assunto da semana foi mesmo a polêmica envolvendo o português João Vieira e Randy Lew. O “nanonoko” foi bastante desrespeitoso ao criticar uma jogada do “Naza114” no Super MILLION$ e virou alvo da comunidade. Depois de João Vieira rebater no Twitter, o português ganhou apoio de todas as partes do mundo:

“Eu gostaria de poder jogar tão bem quanto comentaristas de poker”

E outra polêmica da semana foi o cancelamento de alguns torneios no ACR. Depois de vários membros da equipe saírem em defesa do site, Faraz Jaka teve um de seus argumentos rebatidos de maneira forte por Dan Smith:

“1 / Todo jogador de poker tem uma opinião sobre o quão estúpidas são as decisões dos sites e quão ruim eles estão construindo software, mas nenhum deles fez isso sozinho. É muito mais desafiador do que você pensa por razões que você simplesmente não será capaz de compreender por não ter passado pelas trincheiras sozinho”

“Claro, construir software é uma merda, mas se o software em um site não ficou melhor em dez anos, e é pior do que o software 2007 do PokerStars… eles estão fazendo algo errado.

Não discordo que eles estão tentando, mas como cliente, posso ficar infeliz ou mudar meu negócio para outro lugar.”

Outro fato que também mexeu com a comunidade foi a queda do Bitcoin, que pode ter afetado muitos jogadores que investem nisso. Joey Ingram fez uma triste comparação no período de dois meses:

“Portfólio de cripto em março vs maio”

E se não está fácil pra Joey Ingram, imagina pra Tim Cramer. Ele escreveu o que geralmente acontece com a maioria dos jogadores:

“Nada como entrar em um domingo online e ter que vencer todos os torneios para empatar na semana”

Mas Chance Kornuth, que perdeu um duelo de heads-up para Phil Galfond, não pensa muito assim. Para ele, o nível de jogo está ruim atualmente:

“O nível médio de jogo online hoje é o mais baixo da história”

Falando em Phil Galfond, sua esposa, Sarah, voltou a jogar após algumas aulinhas do marido e já está definindo seu próprio estilo:

“Então, estou de volta ao poker. Eu tive três sessões até agora, duas das quais foram US$ 100 / US$ 200 PLO.

Phil me ensinou muito, mas estou trazendo meu estilo próprio para o jogo!

Basicamente, consiste em paralisar a culpa da mãe e a ansiedade de separação, mas também estou blefando muito mais do que Phil”

Kevin Martin deixou uma triste comparação quando você pensa que tem tudo para dobrar em uma mesa de poker. E ele tem razão, hein?

“Estando card dead, escolher AQo como o short stack e bater em AK é equivalente a receber um tapa na cara.”

Mas nem só de tristeza e comparações viveu o streamer essa semana. Olha que continha boa pra ganhar esse AA da maneira mais improvável possível:

“É uma maneira incrível de ganhar isso com AA”

 

Chris Kruk, por sua vez, estava saudosista por uma época em que o “jogo era jogado”, mas Daniel Negreanu ficou interessado em saber quando foi isso:

“Cara, eu sinto falta dos dias em que o poker era sobre habilidade e jogar bem e não sobre tentar construir alguma celebridade baseada em verdades exageradas ou mentiras descaradas, para que você pudesse se colocar em bons lugares ou vender besteira de treinamento ou informações ou o que quer que fosse para pessoas desavisadas”

“Quando foi exatamente isso? Você está falando sobre antes de começar a jogar poker? Eu jogo desde o final dos anos 90 e sempre foi a norma”

Negreanu também postou um vídeo em seu Twitter com uma verdadeiro encontro de lendas:

Nada melhor que um @TheScottyNguyen contando história com os meninos

@phil_hellmuth

@MagicAntonio

@ThePokerBoss

A maior história de um jogador de poker de todos os tempos e não chega nem perto.

Lendas”

Sean McCormack, inclusive, aproveitou a semana para defender os dealers de poker com uma alusão:

“Imagine que alguém entra em seu trabalho diariamente e critica e critica seu trabalho. A pior parte é que eles estão analisando partes fora de seu controle. Frustrante, certo? Bem, isso é o que você parece quando vai atrás de dealer de poker por bad beats. Olhe para dentro.”

Num passado não muito distante, David Kitai fez uma jogada praticamente impossível. Repito, praticamente impossível. Como alguém consegue dar uma call desse nessa jogada?

“Já viu um melhor? Isso é ultrajante”

Já agora bem recente, um embate entre embaixadores do site acabou com final triste para Jaime Staples:

“Veja como @UrbanovichPoker conseguiu pegar @jaimestaples no @WPT Evento da Série Online! @PPTeamOnline”

Para finalizar, o embaixador do partypoker também usou seu perfil para fazer uma reverência após um título de um brasileiro no site. Depois de ver o lendário profissional conseguir um grande título, Staples fez questão de reverenciar Caio Pessagno:

“Que lenda.”

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio #05 do Depois do River:

Continue Lendo

Melhores do Twitter

Melhores do Twitter: Jans Arends com novo choro, Dan Cates preocupado com sua fama e pai de Doug Polk com preocupação básica

Confira os melhores tweets da semana

Publicado

em

Postado Por

Jans Arends, Dan Cates e Doug Polk

A comunidade do poker é bastante ativa no Twitter. Muitos jogadores fazem desabafos, contam histórias, criam enquetes e promovem interessantes discussões sobre o esporte da mente que tanto gostamos. Ainda dá pra discutir mãos, assistir vídeos e acompanhar as notícias do poker que o Mundo Poker faz com carinho dia a dia.

Toda sexta-feira, o Mundo Poker separa alguns tweets que foram destaques! Se você ver algum que achou interessante, pode marcar a gente lá. Quem sabe não apareça aqui na próxima semana, hein? A gente dá os créditos…

Confira a nossa seleção da semana e aproveita e segue o Mundo Poker:

Como é comum, os jogadores de poker gostam de gastar um bom tempo interagindo no Twitter. Nessa semana, as polêmicas até deram um tempo (já era hora, né?). Mas uma coisa não mudou. Desde que resolveu falar mal do Brasil, Jans Arends não teve mais vida fácil. Dessa vez, ele apareceu mais uma vez chorando em seu perfil – e por algo que não pode controlar:

“Se você jogar um torneio bounty e alguém perder um grande pote e ficar com 1bb, há 100% de chance desse jogador ser movido para outra mesa instantaneamente.

No entanto, nunca alguém com 1bb aparece aleatoriamente em sua mesa.

Onde eles vão???”

E se “preocupar-se com coisas que você não pode controlar” é um erro básico no poker, Ed Latimore está do lado contrário. Ele até faz um reflexão boa sobre o jogo:

“O poker é um daqueles jogos em que você pode fazer todas as coisas certas e ainda assim perder.

Você pode, ocasionalmente, fazer todas as coisas erradas e ainda assim vencer.

O último cenário pode lhe ensinar tanto quanto o anterior, mas por razões totalmente diferentes.”

Buscando cada vez mais maximizar o desempenho nas mesas online, Faraz Jaka aparentemente escolheu uma estratégia bastante vencedora:

“Trabalhei muito a cada 5 minutos de intervalo tentando otimizar o foco e o bom estado mental. Felizmente valeu a pena hoje ter três mesas finais, 3º e 4º lugares com US$ 24k em prêmios de US$ 16k em buy-ins. Também cheguei no dia 2 de US$ 1M no US$ 600 do @ACR_POKER com 50bbs na volta”

Já Bryce Yockey voltou a jogar depois de algum tempo e já está se questionando se vale a pena:

“Jogando poker a sério pela primeira vez em muito tempo (obviamente desacelerações do mercado)

E de alguma forma encontro um fold com J9 em 4TTTJ

Melhor voltar para a aposentadoria do poker”

E quem não está com muita sorte contra jogadores famoso é o streamer Parker Talbot. O “tonkaaaa” já havia perdido uma mão dolorida contra Niklas Astedt há pouco tempo, e agora perdeu um flip com direito a runner runner contra seu companheiro Spraggy:

A reação de Parker Talbot não foi mostrada dessa vez. Mas contra o “Lena900” ele não reagiu da melhor maneira possível, não. Acho que ele deve estar precisando de umas aulas de mindset com o “apestyles” que, olha, é bom nisso viu?

Sem preocupações com o jogo em si, mas com outras coisas na cabeça, Dan Cates também deixou sua publicação. Ele se questionou se as pessoas o conheceriam mais pelo seu próprio nome ou pelo nick que adotou, o “Jungleman”:

“Acho que há uma grande chance de mais pessoas no poker me conhecerem pelo meu apelido “Jungleman” do que por ‘Dan Cates'”

Lance Bradley, por sua vez, veio com uma aposta ousada. Ele está bastante confiante no sucesso da WSOP:

“O maior Evento Principal do WSOP de todos os tempos. Registre.”

Falando de WSOP é impossível não lembrar de Daniel Negreanu. Ele revelou nessa semana que desde criança é apaixonado por estatísticas e organiza torneios para ele mesmo:

“Desde criança, adoro estatísticas e torneios de todos os tipos.

Eu costumava rastrear estatísticas no RBI Baseball no Nintendo, criar torneios com meus lutadores de brinquedo usando um RNG para quem ganhou e criar um lutador do ano com duração de um ano com base em um sistema de pontos. Sim.”

Já MJ Gonzales, o treinador de Negreanu para o confronto contra Polk, está em uma partida sem definições contra Dan Smith. Ele até tem perdido uma boa grana, mas outro lugar o deixou ainda mais chocado:

“Bem, se você pensou que minha perda para @DanSmithHolla estava enorme ontem…
Não foi nem perto sobre o mercado hoje.”

Dan Smith, que pelo seu lado está se dando bem no desafio, revelou que tem ficado bastante cansado:

“Talvez muito óbvio, mas estou surpreso com o quão mais cansativo HU é em comparação com uma mesa cheia. Depois de 4-5 horas, meu cérebro está definitivamente confuso.
4 horas de torneio NL ou um jogo a dinheiro geralmente é uma caminhada tranquila”

NO WPT online, que acontece no partypoker, Fritjof Torstensson mostrou que não só é possível ganhar com JJ, como ainda foi campeão e forrou por conta dele:

“Parabéns a Fritjof Torstensson vencedor do #WPTOS Mini Main Event hoje à noite por $ 78.769.”

E falando de mãos polêmicas, Leandro Galo mostrou em seu twitter uma tatuagem pra lá de diferente, com uma mão marcada na pele:

O streamer Felix Schneiders, que sofreu até falinha de Lex Veldhuis durante uma das sessões da semana, revelou sete problemas que os jogadores de poker enfrentam:

“Meus 7 principais pecados capitais do poker:

7. Rótulo ruim
6. Mentalidade de vítima
5. Impaciência
4. Passividade
3. Ego
2. Pensamento orientado para resultados
1. Má gestão do bankroll”

Para finalizar, esse é um problema que posso garantir que muita gente NÃO passou. Eu mesmo, por exemplo, nunca estive nem perto. Pelo menos, quanto a isso, meus pais nunca precisaram se preocupar:

“Eu costumava receber esses textos sobre poker dos meus pais

‘Ei, Doug, está tudo bem? Vi que você perdeu um milhão de dólares para Isildur na noite passada’

– Pai”

Para comprar e vender seus créditos de poker, indicamos a ROYALpag.com. Compre e receba em 5 minutos!

Confira o episódio #05 do Depois do River:

Continue Lendo
Advertisement

MAIS LIDAS