Slider
Siga-nos

Notícias

Um resumo da série recordista que foi a WSOP 2020 Online

Pela primeira vez jogadores de fora dos EUA puderam competir pelos braceletes da WSOP jogando online

Publicado

em

Sete semanas de ação de poker ininterrupta se encerraram com o final da primeira World Series of Poker 2020 Online na GGNetwork. Tudo começou na metade de julho e o último dos 54 braceletes de ouro foi entregue no dia 8 de setembro, com alguns novos recordes estabelecidos neste período.

Foi a primeira vez que os jogadores de fora dos Estados Unidos puderam competir pelos braceletes da WSOP jogando online. Esta parte internacional da série foi uma continuação do festival que começou no site da WSOP.com no mês de julho e distribuiu 31 braceletes mas foi exclusivo para os jogadores de Nevada e Nova Jersey.

Vamos dar uma olhada nos recordes que estabelecemos nas últimas sete semanas:

Maior Número de Prêmios de Sete Dígitos Em Uma Série de Poker Online: 45 (dos 54)
Segundo Maior Prêmio Total Em Uma Série de Poker Online: ~US$ 147.808.535
Maior Média de Prêmios Em Uma Série de Poker: US$ 2.737.195
Maior Número de Milionários Feitos Em Uma Séries de Poker: 13
Maior Número de Prêmios Milionários Individuais Distribuídos: 11
Maior Número de Nacionalidades Em Uma Única Série WSOP: 166

O destaque do festival foi certamente o Main Event de US$5.000 que tinha US$ 25 milhões de premiação garantida, o maior garantido dentre todos os torneios de poker online até hoje. Apenas 12 dos 56 eventos tinham garantidos mas a possibilidade de ganhar um dos 54 braceletes da WSOP Online do conforto de suas próprias casas garantiu que jogadores de 166 países tivessem suas chances de entrar para história do poker.

Maior número de participantes em um Evento da WSOP: 44.765 (Evento #50: BIG 50)

Esse recorde foi batido três vezes ao longo do festival. Bem no começo, o Evento #32: US$ 100 The Opener teve um número incrível de 29.036 entradas. Isso foi rapidamente ultrapassado pelo Evento #84: US$ 100 WSOP MILLION$ com 34.787 entradas. Entretanto, foi o Evento #71: BIG 50 que ficou com o recorde graças as suas incríveis 44.765 entradas.

O Main Event Quebrou Alguns Recordes

Um total de US$ 5 milhões em sorteios e prêmios promocionais foram distribuídos ao longo do festival e os jogadores de todos os cantos do mundo também tiveram suas chances de ganhar vagas através de vários satélites e promoções. Para o Main Event em especial, os Satélites foram cruciais, pois 3.150 vagas foram distribuídas em qualificatórios de MTT. Os jogadores tinham a possibilidade de ganhar várias vagas e as vagas inutilizadas foram transformadas em dólares de torneio quando a série se encerrou.

No final das contas, tivemos uma enxurrada de jogadores nos últimos dos 23 dias iniciais, o que nos fez atingir e ultrapassar o valor do garantido pois somamos 5.802 entradas (com 3.470 jogadores individuais). O resultado disso foi um novo recorde mundial de maior prêmio total em um evento online no valor de US$ 27.559.500, que bateu o recorde que antes era do partypoker MILLIONS Online de 2018 no valor de US$ 21.385.000.

Recordes do Evento #77: US$ 5.000 Main Event

Maior Prêmio Total Em Um Evento de Poker Online: US$ 27.559.500
Maior Prêmio Individual Em Um Evento de Poker Online: US$ 3.904.686 (Stoyan Madanzhiev)
Maior Número de Prêmios Milionários Em Um Evento De Poker Online: 4

O búlgaro Stoyan Madanzhiev dominou a mesa final com seu jogo agressivo, e a vitória lhe trouxe o maior prêmio de torneio da história do poker online. Além dos quatro prêmios de sete dígitos que foram distribuídos no mesmo evento, o Main Event também bateu o recorde de maior participação da história em um torneio online com buy-in de US$ 5.000.

Prêmio Total e Estatísticas de Participantes

A série inteira criou um prêmio total de US$ 147.808.535 e 45 dos 54 eventos de bracelete tiveram prêmios totais de sete dígitos. Um prêmio total médio de US$ 2.737.195 foi o maior até hoje em uma grande série de torneios online e tivemos um total combinado de 239.754 entradas, trazendo uma média de 4.440 entradas por torneio.

Como já era de se esperar a diferença de valor dos buy-ins e entradas foi grande. Os jogadores com bancas menores tiveram a chance de competir por um bracelete com buy-ins a partir de US$ 50 e 25 eventos trouxeram buy-ins de menos de US$ 1.000.

Alek Stasiak Foi O Único a ser Campeão Duas Vezes

Várias histórias de sucesso obtido através dos satélites contribuíram para fazer desta uma série memorável. Alek Stasiak, por exemplo, começou com apenas US$10 e se deu bem em dois qualificatórios antes de cravar o Evento #33: US$ 1.111 Every 1 for Covid Relief, levando um prêmio de US$ 343.204. Foi a primeira vitória dele na WSOP e ele ainda conseguiu mais um bracelete por vencer os 2.006 participantes do Evento #52: US$ 1.000 No Limit Hold’em para se tornar o único a ser campeão duas vezes nesta série.

Mais Informações Interessantes

  • Cinco eventos tiveram mais de 10.000 entradas; outros três tiveram mais de 5.000 entradas
  • Número total de entradas no festival: 239.754
  • Número médio de entradas nos torneios: ~4.440
  • Menor buy-in vs maior buy-in: US$ 50 vs US$ 25.000
  • Buy-in médio ao longo do festival: US$ 2.549
  • 25 torneios tiveram buy-ins inferiores a US$1.000
  • Maior número de prêmios obtidos por 1 jogador no festival: 23 (Arnaud Enselme)
  • 39 jogadores chegaram a mais de uma mesa final, seis deles chegaram a três: Ajay Chabra, Brunno Botteon, Connor Drinan, Mike Watson, Paul Teoh, Sergi Reixach
  • Mais de US$ 21.9 milhões em prêmios foram distribuídos aos campeões
  • Três braceletes ganhos por jogadoras mulheres Kristen Bicknell, Thi Truong e Melika Razavi
  • Um jogador campeão duas vezes: Alek Stasiak

Apesar da parte internacional do torneio não estar disponível para jogadores nos Estados Unidos, vários profissionais de lá viajaram para Europa, América do Sul e Caribe para competir pelos prêmios mais cobiçados do poker. Graças a isso os Estados Unidos se saiu como o país que obteve maior sucesso na série com nove vitórias, seguido pelo Canadá com seis e pelo Brasil com quatro.

  • Jogadores de 31 nacionalidades diferentes ganharam braceletes
  • Primeira vitória conquistada por esses países: Turquia, Estônia, Lituânia, Croácia, Vietnã
  • Países mais bem-sucedidos: Estados Unidos (9), Canadá (6), Brasil (4)
  • Jogadores de 31 países (Se contarmos Hong Kong e País de Gales como entidades separadas) ganharam braceletes e a Turquia, Estônia, Lituânia, Croácia, e o Vietnã conquistaram suas primeiras vitórias.

Uma Série de Sucesso para Jogadoras Mulheres

Dentre os vencedores de bracelete estão três mulheres: Kristen Bicknell, que ganhou o terceiro bracelete de sua carreira, enquanto Thi Truong e Melika Razavi ganharam pela primeira vez. Nahrain Tamero ganhou o Main Event na WSOP.com, trazendo o número de campeãs mulheres para quatro e empatando com o número máximo de campeãs na história da WSOP.

Maior Prêmio Individual de Poker para uma Jogadora Mulher: US$ 2.748.605 (Weiling Gao)

Nós quase tivemos mais uma campeã no Main Event pois Weiling Gao ficou em segundo lugar com um prêmio de US$ 2.748.605, o maior prêmio individual obtido por uma mulher na história do poker. Michelle Shah, Ronit Chamani e Yuan Yuan Li também foram vice-campeãs, e os 20 prêmios ganhos por Shah a colocaram no top 5 geral.

Maior Número de Prêmios e Maiores Prêmios Distribuídos

O francês que reside no Reino Unido, Arnaud Enselme obteve prêmios em 23 eventos, seguido de Kazuki Ikeuchi e José Severino com 21 prêmios cada. Ami Barer ganhou prêmios em 20 torneios, enquanto outros sete jogadores ganharam 19 prêmios, incluindo  Daniel Negreanu, Sparrow Cheung, o membro do Team Bling do Natural8, Anson Tsang e o embaixador do Team Hot, Pete Chen.

Ao longo de todo o festival, 11 jogadores ganharam prêmios de sete dígitos e outros dois somaram mais de US$1 milhão em prêmios como resultado de seus desempenhos nas mesas

Oito Jogadores Ganharam Braceletes e Patrocínio do Natural8

Este festival trouxe muito sucesso para os jogadores no Natural8, oito deles ganharam seus braceletes enquanto jogavam no Natural8 e ganharam também patrocínios do Team Bling que valiam entre US$ 7.500 e US$ 15.000. O profissional de poker canadense, Daniel Dvoress foi o destaque do time com o maior prêmio de US$ 1.489.289 no Evento #48: US$ 1.500 MILLIONAIRE MAKER.

O japonês Shoma Ishikawa foi o primeiro jogador no Natural8 a ganhar um título, e ele foi rapidamente seguido por Hun Wei Lee e Marcelo Jakovljevic Pudla. Enquanto a terceira mesa final foi ótima para o malaio Paul Teoh que ganhou o Evento #47: US$ 1.000 Short Deck Hold’em e se tornou o quarto membro do time.

Um dia após Dvoress dominar a mesa final em sua jornada para vitória, o segundo jogador brasileiro a ganhar um bracelete fez isso jogando no Natural8. Luis Eduardo Assunção Garla venceu um field de 3.247 entradas no Evento #55: HK$ 8.000 NLHE Asia Championship e levou HK$3.551.611 para casa enquanto manteve sua liderança no Leaderboard dos Eventos em Fuso Horário Asiático e ganhou o exclusivo troféu do Dragão de Ouro.

Ason Tsang, de Hong Kong, cravou outro evento no Fuso Horário Asiático e ganhou o segundo bracelete de sua carreira no Evento #68: US$ 500 Deepstack No-Limit Hold’em. Poucos dias depois, Thi Truong foi vencedora do Evento #74: US$ 1.500 Pot Limit Omaha para completar o time de oito jogadores.

No grande Main Event, sete jogadores do Natural8 estavam entre os 38 jogadores no dia final. Um trio chegou à mesa final mas Samuel Taylor (9° lugar), Stefan Schillhabel (7° lugar) e Satoshi Isomae (5° lugar) perderam por pouco um patrocínio de US$100.000 do Team Bling e a chance de se tornarem o capitão do time.

Isso encerra um festival de poker online muito bem-sucedido na GGNetwork, que já tem mais promoções e torneios incríveis na agenda da ação que não para nunca no Natural8, uma das plataformas de poker que mais cresce no mundo.

Os jogadores que perderam a WSOP 2020 Online vão gostar de saber sobre os torneios da GGSOP (Good Game Series of Poker), que buscam recriar a experiência da WSOP para jogadores de low stakes. Com buy-ins a partir de US$ 2,50! Teremos também nossa série tradicional da GGMasters no Natural8 (com eventos todos os dias) e a série MILLION$ (com um total de US$6 milhões em garantidos toda semana).

ONLINE

BBS: Jonathan Wolter cai em 3º após flopar top dois pares no Evento #136; Eder Campana também chega

O 3-handed do torneio teve craques de peso dos feltros online

Publicado

em

Postado Por

Dois jogadores conhecidos do país alcançaram uma mesa final do Bounty Builder Series. Os representantes do país na decisão do Evento #136 (US$ 215 8-Max Turbo) foram os craques Jonathan Wolter e Eder Campana, pilotando as contas “jwolter” e “edercampana”. O torneio registrou um field de 894 entradas e teve o garantido de US$ 150.000 superado.

Wolter acabou sendo o melhor brasuca na FT. Ele alcançou o pódio e terminou com a medalha de bronze. O resultado valeu um prêmio de US$ 9.131. O jogador da Cardroom enfrentou um duríssimo 3-handed contra os craques Manuel Ruivo “fellatiado” e o austríaco Pascal Hartmann “päffchen”, que no domingo foi personagem de uma história bacana com “Cavalito”.

LEIA MAIS: Pedro Madeira é banido do GGPoker e tem fundos confiscados; Mundo Poker tem acesso aos e-mails e detalha o caso

O algoz de Jonathan foi Manuel Ruivo em uma mão certamente desgostosa para o brasileiro. Nos blinds 125.000 / 250.000, o luso deu raise de 500.000 e Wolter defendeu o big blind. O flop foi e armou a confusão. Manuel c-betou 375.000 fichas, Jonathan deu raise para 1.000.000 e o “fellatiado” foi all in com quase o dobro de fichas.

Wolter deu instacall (total de 4.882.901) e mostrou com top dois pares. O adversário tinha um combo draw com com flush draw e broca. Eis que o turn já foi logo e completou a sequência para Ruivo. Jonathan não encontrou os outs necessários no river e se despediu do torneio. O português acabou sendo campeão na sequência e embolsou US$ 28.744.

Outro representante na FT, Eder Campana acabou sendo eliminado na 7ª colocação. O craque do 4bet Poker Team ficou com US$ 3.356.

Continue Lendo

Blog do Montanha de Cartas

Ele trocou a bola e a chuteira pelas fichas e o baralho e conseguiu dar uma vida melhor para toda família

Emerson Sheik comprou uma casa para a mãe com o dinheiro do poker

Publicado

em

Jogar futebol profissionalmente, ganhar um bom dinheiro e melhorar a condição de vida de toda a família é o sonho de muitos jovens. Emerson Rocha não fugia desse estereótipo, mas a vida e até o sobrenome dele mudou quando conheceu o poker. Hoje ele é o Sheik, um youtuber e atleta da mente que alcançou conquistas importantes, garantindo assim o sucesso financeiro com o baralho.

Convidado do episódio de estreia da terceira temporada do Baralho Pergunta, Sheik contou que foi apresentado ao joguinho quando tentava a carreira no mundo da bola lá no Paraguai. Foi um amigo dele, o Edson, quem iniciou o menino de família evangélica no cenário do poker nacional.

“Quando eu comecei a jogar poker ninguém da minha família me apoiou e eu tenho um filho de sete anos que não mora comigo, então eu pagava pensão. Minha mãe falava: meu filho, você vai ser preso, vai trabalhar e tal…”, recordou.

Declaradamente um jogador de torneios ao vivo, mas que também consegue destaque no online, ele transformou todo o preconceito da família em apoio e garantiu que a maior conquista dele no joguinho foi poder proporcionar um determinado presente para a mãe dele.

“O maior ganho pra mim no poker não é nem financeiro, mas que eu consegui comprar uma casa para a minha mãe”, disse orgulhoso.

Essa e outras revelações fazem parte da entrevista com Emerson Sheik que ainda falou sobre o começo da carreira, quando frequentava o antigo clube Vegas, em São Paulo, em busca dos torneios mais baratos e muitas vezes, sem dinheiro, acabava usando o cartão de crédito do sempre parceiro Edson, tendo que chegar na premiação para poder pagar a fatura no fim do mês.

LEIA MAIS: Dupla do 9Tales sobe no ranking do PocketFives; Brunno Botteon segue como melhor brasileiro

Nesta nova temporada as perguntas foram renovadas e as cartas de espadas agora são questionamentos feitos através do direct na conta de instagram @montanhadecartas. Uma interatividade que já provou ser um sucesso.

Não deixe de conferir a entrevista. Tem até pergunta que acabou deixando o Sheik em situação complicada. Ele teve que responder se trocaria uma cravada perfeita por um encontro com a mulher dos sonhos.

Já aproveita que vai clicar no vídeo abaixo e inscreva-se no canal do Montanha de Cartas no youtube, acessando www.youtube.com/montanhadecartas. Toda terça-feira às 20h vai ter vídeo novo e o próximo é com um jogador que fez sucesso na WSOP Online.

Continue Lendo

ONLINE

Na estreia da MundoTV na Twitch, Ole Schemion comanda as ações e crava o Super MILLION$ do GGPoker; saiba mais

O alemão conquistou mais um prêmio expressivo na carreira

Publicado

em

Postado Por

A terça-feira (20) foi um dia especial para o Mundo Poker. Lançamos nosso canal na plataforma Twitcht e já começamos com uma super estreia: a mesa final do Super MILLION$ High Rollers do GGPoker com a presença de Brunno Botteon. O narrador Ytarõ Segabinazzi teve a companhia do craque Alexandre Mantovani nos comentários e desfrutaram de uma baita decisão.

No final das contas, a voz de Ytarõ gritou o título da estrela alemã Ole Schemion, o “wizowizo” dos feltros online. O currículo recheado do profissional ganhou mais uma conquista de impacto para a coleção e um baita prêmio de US$ 317.740. Schemion mostrou todas as suas ferramentas e saiu do terceiro menor stack para a conquista.

Não demorou muito para o alemão dar um salto no começo da mesa final ao eliminar o americano Sean Winter. Eles tinham quase a mesma pilha e Schemion descolou da parte inferior do chip count. Algumas mãos depois, o jogador de 28 anos puxou um potaço importante contra Stephen Chidwick e ficou imparável.

LEIA MAIS: Brunno Botteon soma pay jumps “de camarote”, mas é eliminado em coin flip na mesa final do Super MILLION$

LEIA MAIS: PEDIU MÚSICA! Thiago Grigoletti conquista terceira tríplice coroa do ano; confira

Com um jogo bastante agressivo, Ole passou a incomodar os adversários e comandou o longo 3-handed contra Matthias Eibinger e o sueco Joakim Andersson, o “MrGambol” do GGPoker. Apesar de perder algumas fichas para o segundo citado, Schemion derrubou o austríaco num coin flip de A7 contra 66 e começou o heads-up em vantagem.

O duelo final foi bastante animado e teve algumas trocas na liderança. Andersson conseguiu abrir boa vantagem de mais de 2 para 1 em certo momento, mas Schemion teve tranquilidade para passar à frente de novo. No final, deu a lógica em all in pré-flop de KK contra 55 para fazer a festa de campeão.

Confira como foi a última mão:

Confira como foi a premiação final do torneio:

1º – Ole Schemion – US$ 317.740

2º – Joakim Andersson “MrGambol” – US$ 246.440

3º – Matthias Eibinger – US$ 191.140

4º – Stephen Chidwick – US$ 148.249

5º – Phil D’Auteuil – US$ 114.982

6º – Brunno Botteon – US$ 89.180

7º – “Nator” – US$ 69.169

8º – Sean Winter – US$ 53.647

9º – David Miscikowski – US$ 41.609

Continue Lendo
Advertisement

MAIS LIDAS