Siga-nos

BSOP

Roberta Alves crava Ladies Event e leva primeiro troféu do BSOP em Brasília

Em 2018, ela fez mesa final no Ladies da WSOP Circuit Rio de Janeiro

Publicado

em

(Crédito: BSOP)

Neste sábado (01), aconteceu o Ladies Event do BSOP Brasília, que atraiu 48 jogadoras para disputar o título de campeã. Quem acabou soltando o grito da vitória foi Roberta Alves após vencer Savia Camargo no heads-up. 

Pela cravada, a vencedora levou para a casa o prêmio de R$ 7.480. Esse é o primeiro troféu da player no torneio. Fora isso, de acordo com o Hendon Mob List, ela só havia garantido ITM em dois eventos. 

LEIA MAIS: Fernando Araújo puxa fila dos 246 classificados para o Dia 2 do Main Event do BSOP Brasília; confira

LEIA MAIS: Thiago Flausino crava US$ 530 Daily Supersonic e Dante Goya faz mesa final neste sábado

As premiações correspondem ao ano de 2018. Na época, ela participou do Ladies Event da WSOP Circuit Rio de Janeiro. Na ocasião, Roberta Alves, terminou na 5ª colocação puxando R$ 5.440 . Além dessa premiação, a jogadora ficou no 51º lugar no Start-Up, do BSOP Brasília, conquistando R$ 1.680. 

Confira a premiação das finalistas: 

1º – Roberta Alves – R$ 7.480

2º – Savia Camargo – R$ 5.400

3º – Amanda Castanheira – R$ 3.450

4º – Kelly Manze – R$ 2.600

5º – Ana Carolina Martinez – R$ 2.020

6º – Sirley Galbine – R$ 1.540

7º – Regia Cavalcanti – R$ 1.250

BSOP

BSOP Online começa com duas vitórias estrangeiras e título de “ptmassis” no 5-Card PLO; saiba mais

A inédita série online do festival teve predomínio dos gringos na abertura

Publicado

em

Postado Por

Com dois eventos cancelados (São Paulo e Rio de Janeiro), o BSOP decidiu inovar e criou, em parceria com o PokerStars, sua primeira série online da história. A medida tem sido adotada por diversos circuitos presenciais para amenizar a crise durante a pandemia do Coronavírus. Ontem (03), foi o primeiro dia do BSOP Online.

Os três primeiros eventos da grade rolaram e tiveram predomínio estrangeiro. No Evento #2, no entanto, a bandeira verde e amarela alcançou o topo. O grinder “ptmassis” superou o field de 389 entradas do torneio de 5-Card Pot-Limit Omaha, com buy-in de US$ 82, para levar o prêmio de US$ 3.676.

Um acordo aconteceu no 3-handed. Quem acabou levando a maior fatia foi o também brasileiro “AK_Fauzer_AK”. O segundo colocado ficou com US$ 4.310. Outros três brasileiros fizeram mesa final do torneio: o craque Bernardo Dias “bedias” ficou em 4º (US$ 1.805), “LRedwolf foi o 5º (US$ 1.259) e Rodrigo Garrido “rportaleoni” acabou em 8º (US$ 584).

LEIA MAIS: Renan Bruschi é tricampeão do US$ 530 Bounty Builder High Roller após heads-up com Pedro Padilha

LEIA MAIS: Felipe Pfeifer é campeão do US$ 109 Fast Friday e Gabriel Schroeder crava o US$ 109 Daily Cooldown; confira

A maior atração do primeiro do BSOP Online era o Start-Up, com buy-in de US$ 109. O torneio bombou com 1.459 entradas e quase triplicou o garantido de US$ 50.000. O campeão foi o canadense “mraink”, que faturou US$ 19.570. O brasileiro “petty1997” também teve o que comemorar, ficando em 3º, ganhando US$ 11.618. Lincon Freitas e “klay naca” ficaram em 8º e 9º respectivamente, levando US$ 2.232 e US$ 1.605.

Por fim, o Evento #3 (US$ 22 Turbo, Progressive KO) atraiu um field gigantesco de 4.906 entradas e teve como vencedor o grinder “marsius666”, da Lituânia. Ele levou o prêmio de US$ 9.319 pela cravada. O Brasil teve dois representantes na mesa final: “sombra97” foi eliminado em 7º e puxou US$ 1.004, enquanto “satonamotoka” acabou em 9º e levou US$ 949.

Neste sábado, mais três eventos da grade irão acontecer: US$ 109 Pot-Limit Omaha, US$ 55 Progressive KO Win The Button e US$ 82 NLH DeepStack.

Continue Lendo

BSOP

BSOP segue tendência e adia a etapa de São Paulo programada para a próxima semana

A pandemia do Coronavírus atacou o poker brasileiro nesta sexta-feira

Publicado

em

Postado Por

(Crédito: BSOP)

Assim como o KSOP fez mais cedo, o BSOP também seguiu o padrão mundial e decidiu adiar a etapa de São Paulo do circuito em decorrência do Coronavírus. O evento estava programado para rolar entre os dias 19 a 24 deste mês no WTC Sheraton, palco tradicional quando o festival passa pela capital paulista. O PokerStars anunciou que o EPT Monte Carlo também não acontecerá na data prevista.

LEIA MAIS: URGENTE: KSOP Balneário Camboriú é adiado em decorrência do Coronavírus

Confira na íntegra:

“Trabalhando com nossos parceiros e parceiros de cassino na operação dos eventos e seguindo orientações da Organização Mundial da Saúde e das autoridades locais, tomamos mais decisões sobre alguns de nossos próximos eventos ao vivo.

Devido à disseminação contínua do Coronavírus (COVID 19), os dois eventos a seguir serão adiados:

Brazilian Series Of Poker (BSOP) São Paulo
PokerStars e Monte-Carlo®Casino European Poker Tour

Jogadores que se qualificaram online no PokerStars para os eventos acima serão contatados nas próximas 24 horas para assistência. Qualquer jogador que ganhou um pacote conosco através de um qualificatório online receberá o valor em dinheiro do buy-in do torneio na sua conta PokerStars.

No momento, estamos analisando nosso European Poker Tour Sochi e atualizaremos nos próximos dias.

Ao analisar nossa abundante programação de eventos ao vivo tomamos decisões caso a caso, em conjunto com as notícias e orientações mais atualizadas. Estamos tristes por termos tomado a decisão de adiar alguns de nossos eventos e entendemos que alguns podem ficar desapontados, mas nossa prioridade é garantir a segurança de nossos jogadores.

Qualquer jogador que se sinta desconfortável por participar de outros eventos futuros pode entrar em contato conosco pelo e-mail live@pokerstarslive.com”.

Continue Lendo

BSOP

José Carlos Barbosa se consagra campeão do NLH 6 handed do BSOP Brasília pela primeira vez

Leandro Liguori e Alexandre Mantovani completam o pódio

Publicado

em

Postado Por

(Crédito: BSOP)

Com 161 inscritos, o NLH 6 handed, do BSOP Brasília, premiou 23 jogadores e consagrou José Carlos Barbosa como campeão pela primeira vez nesta terça-feira (04). O paraibano conquistou o prêmio de R$ 42.150. 

A vitória veio após o jogador enfrentar Leandro Liguori e Alexandre Mantovani no 3-handed. Eles, por sua vez, terminaram na 2ª e 3ª colocação respectivamente. Essa é a primeira vez de José Carlos no pódio do BSOP. 

LEIA MAIS: BSOP Brasília: Lincon Freitas crava NLH 6 Handed KO Turbo após ter levado o bronze no Millions em 2019

Em 2017, o frequentador assíduo do evento brasileiro já havia participado do mesmo torneio, mas ficou no 10ª colocação da disputa puxando R$ 2.330.  Até então o lugar que Barbosa havia chegado mais longe foi na 4ª colocação do Turbo KO, em Gramado, no ano passado. Na oportunidade, o nordestino conquistou R$ 3.000. 

Fora isso, a maior premiação de José Carlos veio foi em 2018 quando participou do Main Event na cidade de São Paulo. Na ocasião, o player faturou R$ 96.880 ao terminar no 11º lugar. 

Confira a premiação dos finalistas:

1º – José Carlos Barbosa – R$ 42.150

2º – Leandro Liguori – R$ 29.090

3º – Alexandre Mantovani – R$ 21.970

4º – Danton Gomes – R$ 16.620

5º – Ramon Sorgatto – R$ 12.665

6º – Diego Falcone – R$ 9.890

7º – Matias Vlajkovic – R$ 7.520

Continue Lendo
Advertisement

MAIS LIDAS