Siga-nos

Coberturas

Brunno Botteon e João Simão estão na Final do Super High Roller do MILLIONS South America

O campeão vai ganhar a forra de US$ 325.000

Publicado

em

(Crédito: Artur Oliveira)

Também tem brasileiro na decisão do US$ 25.000 Super High Roller do MILLIONS South America, do partypoker LIVE, realizado no Uruguai. O torneio registrou 35 inscrições e classificou apenas 15 jogadores para a final. 

Entre eles estão os craques Brunno Botteon, somando o stack de 1.525.000, e João Simão com 1.395.000 fichas. Quem lidera o chip count é o americano Marty Mathis (4.315.000) seguido pelo compatriota James Romero (4.300.000) e Niall Farrel (3.600.000). 

LEIA MAIS: Rodrigo Seiji é o brasileiro mais bem classificado para a Final do Mini Main Event do MILLIONS South America

Além deles, o jogador polonês Dzmitry Urbanovich segue na briga pelo título. O vencedor deste ano do Evento #02, do Aussie Millions Poker Championship, tem o 5º maior stack (2.675.000). 

Dos participantes, apenas cinco serão premiados com o valor mínimo de US$ 60.000. Em contrapartida, aquele que se consagrar como o grande campeão vai conquistar a forra de US$ 325.000.  A decisão acontece nesta terça-feira (11) com blinds marcando 40.000/80.000 com botão ante. 

Coberturas

Wai Kin Yong consegue grande virada no heads-up contra Phil Ivey e crava Evento #05 do MILLIONS Super High Roller Series Sochi

O campeão tem mais de US$ 10 milhões de ganhos no ao vivo

Publicado

em

Postado Por

(Crédito: PokerCentral)

Phil Ivey podia estar arrasando na mesa final do Evento #05 do partypoker MILLIONS Super High Roller Series Sochi, mas quando se viu no confronto heads-up contra Wai Kin Yong as coisas desandaram por um momento e o jogo todo virou. 

Wai Kin Yong foi o grande campeão mesmo tendo sido o último a se registrar no torneio. Pela cravada, o malaio conquistou a forra de US$ 800.000 numa disputa eletrizante contra Ivey que estava triunfante. 

LEIA MAIS: MILLIONS Sochi: Phil Ivey acerta runner runner incrível contra Sam Grenwood e dobra do jeito “mais improvável”

Para Yong alcançar o lugar mais alto do pódio, ele contou com uma ajudinha dos deuses do baralho. Em certo momento da disputa mano a mano no qual o jogador asiático usou a estratégia small ball, os stacks de ambos quase se igualaram. 

Só que para a alegria de Wai Kin Yong um all-in no pot concedeu a vitória do Evento #05. Agora o campeão acumula US$ 10.837.736 de ganhos em torneios ao vivo. 

O jogador tem como maior premiação da carreira os US$ 3.154.064 conquistados no Main Event da Triton Londres de 2019. Aliás, Yong é especialista na série de poker asiática, ele tem oito ITMs adquiridos no evento. 

Confira a premiação dos finalistas:

1º – Wai Kin Yong (Malásia) – US$ 800.000

2º – Phil Ivey (EUA) – US$ 525.000

3º – Sam Greenwood (Canadá) – US$ 350.000

4º – Cary Katz (EUA) – US$ 250.000

5º – Aaron Van Blarcum (EUA) – US$ 200.000

6º – Mikhail Rudoy (Rússia) – US$ 150.000

7º – Seth Davies (EUA) – US$ 125.000

8º – Paul Phua (Malásia) – US$ 100.000

Continue Lendo

Coberturas

Circuito Cearense de Poker: segunda etapa será em março com R$ 100 mil garantidos; confira

O campeão do ranking vai ganhar o prêmio de R$ 25.000

Publicado

em

Postado Por

A segunda etapa do Circuito Cearense de Poker já está com data marcada. Em março, no período de 02 a 08, o AX Poker Club vai receber os participantes para mais uma fase da temporada 2020.

Serão R$ 100.000 garantidos distribuídos ao longo de seis eventos como Main Event, High Roller, PL Omaha, Big Chance, Ladies Only e NLH 6-Max. Além disso, também será possível garantir uma vaga para o Main Event através do satélite totalmente free, ou seja, você não vai precisar pagar buy-in. 

LEIA MAIS: Atual campeão, Alan Guion faz primeira etapa impecável e lidera o ranking do Circuito Cearense

LEIA MAIS: PokerStars passa a disponibilizar Pot Limit Omaha 6 Cartas

Falando nos torneios, o Main Event vai contar com vários dias classificatórios e tem o garantido de R$ 50.000. Para participar basta desembolsar R$ 280. Também faz parte da programação o High Roller, com R$ 30.000 garantidos, e buy-in de R$ 850.

Essa será mais uma disputa importante para os participantes do ranking. Quem conseguir se consagrar campeão vai levar para casa o prêmio de R$ 25.000. O líder é o atual campeão estadual, Alan Guion.

Confira o cronograma completo abaixo:

Continue Lendo

Coberturas

Pablo Brito é o terceiro brasileiro a ganhar forra milionária em dólar no live; veja efeitos do resultado

O craque baiano deu um salto gigantesco entre os brasucas no All Time Money List

Publicado

em

Postado Por

Crédito: Camila Ocampo / Codigo Poker

O final da semana coroou a belíssima carreira do profissional Pablo Brito. O craque baiano, também conhecido pelo nick “pabritz”, foi o grande campeão do MILLIONS South America, disputado em Punta del Este, no Uruguai, para levar o prêmio máximo de US$ 1 milhão. O gigantesco hit traz algumas curiosidades e impactos interessantes no poker brasileiro.

Mesmo com excelentes resultados de brasucas ao redor do mundo, essa foi apenas a terceira vez que algum representante do país leva uma forra milionária em moeda estrangeira como dólar, euro ou libra nos feltros ao vivo. A primeira vez que aconteceu foi em 2009, com o craque Alexandre Gomes, principal nome do poker nacional naquela época.

O paranaense ganhou US$ 1.187.670 pelo título do WPT Bellagio Cup V, em Las Vegas. O torneio teve buy-in de US$ 15.400 e 268 entradas. Gomes derrotou Faraz Jaka no heads-up e teve como adversários na mesa final nomes como Erik Seidel e Alec Torelli. Até hoje é o maior prêmio já conquistado por um brasileiro no live.

Alexandre Gomes

Foram necessários quase 10 anos para outro brasileiro ganhar um hit milionário. Mas veio em grande estilo. Em 2018, Roberly Felício derrotou o field gigantesco de 13.070 entradas Colussus da WSOP e levou a forra exata de US$ 1.000.000, além do tão sonhado bracelete do circuito mundial. Pabritz igualou o prêmio do goiano.

O líder do All Time Money List do Brasil ainda é Alexandre Gomes. Em segundo e terceiro lugares estão João Simão e André Akkari. O maior hit do mineiro é de US$ 345.274, enquanto o do Team Pro do PokerStars é de US$ 675.117 de quando ganhou o bracelete em 2011. Esses dados mostram o impacto da cravada de Pabritz no MILLIONS South America.

Jogador de online, o baiano deu um salto gigantesco no All Time Money List após o título. Apenas contando entre os brasileiros, Pablo pulou da 296ª colocação simplesmente para o 15º lugar. Ele passou nomes como Pedro Padilha, Bruno Kawauti, Bruno Volkmann, Rodrigo Zidane, Thiago Crema e João Bauer, por exemplo.

De acordo com o Hendon Mob, Pabritz tem agora US$ 1.138.825 em ganhos nos feltros ao vivo.

Roberly Felicio

Observação: a matéria é pautada em valores absolutos e não de acordo com a cotação da moeda na época

Continue Lendo
Advertisement

MAIS LIDAS